Clique para abrir menu ou ocultar

Acampando em Urubici/SC

Na serra catarinense, a 915 m de altitude, Urubici costuma aparecer no noticiário como situada numa das regiões mais frias do país, onde chega a nevar nos invernos mais rigorosos. São citadas também muito de suas belezas naturais. Realizamos o desejo de conhecê-la, optando por ir na primavera, quando as temperaturas estão mais amenas.

  • barraca em área coberta
  • área comunitária no camping
  • banheiros limpos e decentes
  • Pedra Furada
  • Cachoeira Véu da Noiva
  • fenda na Serra do Corvo Branco
  • Morro do Campestre
  • Gruta Nossa Sra. de Lurdes
  • Cascata do Avencal
  • Igreja Matriz de Nossa Sra. Mãe dos Homens

Acampamos na Hospedagem Nossa Senhora das Graças, telefones (49) 99969-1442 e (49) 3278-4040, situada à Av. Rodolfo Andermann, 2238 - coordenadas geográficas -27.995139, -49.566512 - em direção ao Morro da Igreja. Voltagem na área 220v.


Área bonita, ambiente rural com muita cantoria de passarinhos e gado no pasto. Oferece espaço coberto para barracas e também ao ar livre, gramado. Dispõe de ampla área comunitária com cozinha equipada – fogão, pia, geladeira e utensílios – mesa de ping pong, sinuca e bom sinal de wi fi.


Possui também chalés e suítes para locação e salão onde é servido o farto café da manhã – havendo hóspedes nos chalés e opcional para campistas – tipo colonial. Recebe motor-home e trailers e o atendimento, direto pelos proprietários, é muito bom.


Nos oito dias que lá ficamos deu para curtir bem a bela região, onde destacamos os seguintes locais que visitamos:


• Morro da Igreja e Pedra Furada - a 1.822 m de altitude no pico, coordenadas -28.12869,-49.4723, fica a 30 km da cidade com acesso por asfalto. Estão dentro do Parque Nacional de São Joaquim e para visitar precisa obter autorização no ICMBio, cito à rua Felicíssimo R. Sobrinho, 1542. Em seu cume estão instalações do CINDACT II, controlado pela Aeronáutica.


No local geralmente venta muito e o panorama é espetacular, com destaque para a Pedra Furada e a cadeia de montanhas – demos sorte de irmos num dia lindo, mas é sujeito a baixar a neblina e perder visibilidade. Amostra da beleza do local no vídeo a seguir:


• Cachoeira Véu da Noiva Junto à estrada de acesso ao Morro da Igreja e nas coordenadas -28.07533, -49.5183 encontra-se essa bonita cachoeira, em propriedade particular, onde paga-se taxa de visitação.


• Gruta Nossa Senhora de Lurdes - distante 12 km do centro da cidade, coordenadas -28.02668, -49.50211, essa gruta, encravada em enormes paredões e com uma pequena queda d’água, é bonita e destino de romaria realizada anualmente pela Igreja Católica. Possui uma área de lazer no local.



• Serra do Corvo Branco - a 28 km da cidade, coordenadas -28.05454, -49.36856, altitude 1.140 m, com trecho final do acesso em aclive, por estrada de chão cascalhada, mas que devagar chega-se sem problemas.


Um dos cartões postais da cidade e um dos pontos mais fotografados é a fenda de 90 m de altura criada na rocha - veja história da obra - para permitir a passagem da estrada, que desce sinuosa, estreita e com curvas muito fechadas, em direção ao município de Grão Pará e a seguir o litoral.


• Morro do Campestre - a apenas 9 km da cidade, em área particular, Fazenda Morro da Cruz, acesso nas coordenadas -27.967483, -49.644511 - com cobrança de taxa para visitação. Há uma estradinha íngreme e cascalhada para chegar ao topo, pode ser de carro ou a pé.


As formações rochosas e o panorama que se descortina nesse morro são deslumbrantes. Uma visita imperdível.


• Cascata do Avencal - situada em um parque – coordenadas -28.04838, -49.61719 - área particular com cobrança de taxa de visitação, essa bela cascata possui 100 m de queda livre, dentro de um canyon muito bonito e pode ser apreciada de um mirante em local estratégico.


• Cachoeiras da Neve e das Araucárias - a 3 km da cidade, no Sítio Arroio do Engenho - coordenadas -28.04034, -49.60206 - particular e com taxa para visitação, ficam essas duas cachoeiras, acessadas por trilha num total de 835 m.


A da Neve tem esse nome devido a particularidade de nos dias de inverno mais rigorosos as gotículas de água criadas pela altura da queda congelam e caem em forma de neve.


Conhecemos a bela Igreja Matriz de Nossa Senhora Mãe dos Homens. Muito grande, possui quatro entradas semelhantes e seu interior é amplo e simples. Também fizemos caminhada à margem da rodovia que passa em frente ao camping, onde apreciamos o belo panorama rural com várias casas de madeira, amplas, bem conservadas e pintadas com cores fortes.


Muito embora fotos não consigam exprimir toda beleza que esses locais ao vivo apresentam, se quiser faça uma visita ao álbum que criamos dessa acampada, no Google Fotos. Urubici, um lugar que vale muito a pena conhecer.


Chegamos a Urubici vindos de Prudentópolis/PR, outra cidade com muitas atrações naturais e onde acampamos seis dias - distância entre elas 615 km. Para o litoral, camping em Guarda do Embaú/SC, a distância é de apenas 185 km.


Obs: relato com base em nossa acampada na Hospedagem Nossa Sra. das Graças, em Urubici, em novembro/17 .

Imagem de satélite de Urubici com a localização do camping, e os outros locais citados.